Climatério: conteúdo de Ginecologia e Obstetrícia

RM

Neste artigo, você terá todas as principais informações sobre o climatério. Conteúdo ideal para você estudar ou ampliar os conhecimentos.

saiba tudo sobre climaterio

O Climatério é dividido entre pré-menopausa e pós-menopausa, tendo como marco central a menopausa, que corresponde à cessação da menstruação após 12 meses (média de idade em mulheres brasileiras de 49 anos). A perimenopausa se refere 1 a 2 anos antes e após a menopausa. Estas e outras informações você vai encontrar neste conteúdo dedicado aos estudantes de Medicina e médicos que querem se aprofundar nos estudos.

No Portal Medicina Atual você tem acesso a todos os conteúdos gratuitamente. Basta um cadastro simples. Confira abaixo trecho do material sobre Climatério.

Climatério

1 – Diferencie Climatério de Menopausa de seus períodos.

  • Climatério (OMS): Período de transição da vida da mulher compreendido entre o final da fase reprodutiva até a senilidade.
  • Menopausa: Interrupção permanente da menstruação, sendo reconhecida após 12 meses consecutivos de amenorreia.
    • Menopausa precoce: Interrupção permanente da menstruação se estabelece antes dos 40 anos de idade.
    • Menopausa tardia: Interrupção permanente da menstruação se estabelece após os 55 anos de idade.

2- Apresente a cronologia do período do climatério.

      O climatério corresponde a um período de cerca de 25 a 30 anos, no qual a mulher começa a apresentar redução da produção hormonal, iniciando com sintomas aos 40 anos e se estendendo até a senilidade aos 65-70 anos. Ele é dividido entre pré-menopausa e pós-menopausa, tendo como marco central a menopausa, que corresponde à cessação da menstruação após 12 meses (média de idade em mulheres brasileiras de 49 anos). A perimenopausa se refere 1 a 2 anos antes e após a menopausa.

3 – Discuta a fisiologia hormonal gonadotrófica feminina do eixo hipotálamo-hipófise.

            No eixo hipotálamo-hipófise, há produção do GnRH (hormônio liberador de gonadotrofina) pelo hipotálamo, que através do sistema porta-hipofisário, alcança a hipófise e estimula a produção FSH (hormônio folículo estimulante) e LH (hormônio luteinizante), motivando o ovário a produzir Progesterona e Estrógeno, esses que realização um feedback negativo no hipotálamo, inibindo a produção do GnRH.

4 – Descreva o ciclo ovulatório da mulher e correlacione com as alterações hormonais presentes no climatério.

A cada 28 dias, aproximadamente, o organismo da mulher se prepara para uma possível fecundação, liberando óvulos e desenvolvendo a parede do útero para receber um futuro embrião. Havendo fecundação, este se implantará e desenvolverá nesta região. Caso contrário, o endométrio descama, sendo eliminado pela vagina, ocorrendo a menstruação.

Na primeira metade do ciclo menstrual, ocorre a maturação folicular estimulada pelo FSH, que cresce e produz estrógenos. Após isso, a hipófise é estimulada a promover a secreção de FSH e LH, ocorrendo o pico de LH, que promove o rompimento do folículo, liberando o óvulo (ovulação).

A taxa de estrogênio cai e o folículo rompido se desenvolve, e se transforma em corpo lúteo, que secreta estrógeno e progesterona, permitindo que o endométrio se torne espesso, rico em vasos e em secreções nutritivas, a fim de suprir as necessidades do embrião.

Ocorrendo a fecundação, a placenta produz o HCG (gonadotrofina coriónica humana), impedindo a liberação de outro óvulo e a descamação do endométrio, mantendo constante a ação do corpo lúteo. Não ocorrendo fecundação, as altas concentrações de progesterona diminuem a secreção de FSH e LH, fazendo o corpo lúteo entrar em apoptose e reduzindo a concentração de estrogênio e progesterona, esses que mantinham a irrigação endometrial, causando a sua descamação e posterior menstruação.

….continue a acessar o conteúdo no Portal Medicina Atual. Clique na imagem e faço o cadastro gratuito.

portal Medicina atual conteúdo sobre climatério

Leia também: Abortamento: saiba tudo sobre o conteúdo de Ginecologia


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Saiba mais sobre anemias hipoproliferativas

O Portal Medicina Atual disponibiliza conteúdos médicos completos. Neste artigo, o tema selecionado é anemias hipoprolierativas.