Abortamento: saiba tudo sobre o conteúdo de Ginecologia

RM

O abortamento é um dos temas de Ginecologia e Obstetrícia disponibilizado pelo Portal Medicina Atual. Veja trecho do conteúdo.

aparelho reprodutor feminino: abortamento

O abortamento é um dos tema de Ginecologia e Obstetrícia disponibilizado pelo Portal Medicina Atual. Veja abaixo um trecho do conteúdo. E, para te acesso a todo material, além de artigos científicos relacionados ao tema, basta cadastrar no portal. é gratuito.

Veja agora as questões sobre abortamento no formato de pergunta e resposta

Abortamento

1. Qual é a definição de abortamento?

Corresponde à interrupção da gravidez antes de 22 semanas, ou com um feto até 500g ou de 16,5cm.

2. Como é feita a classificação do abortamento no que diz respeito à cronologia?

Precoce: até 12 semanas.

Tardio: de 13 a 20 semanas.

3. Como é feita a classificação do abortamento no que diz respeito à intenção?

Abortamento provocado; abortamento espontâneo.

4. Qual é a causa mais comum de aborto espontâneo e como é feita a pesquisa dessa causa?

Causas cromossômicas. A pesquisa pode ser feita a partir do produto do aborto – restos placentários ou em caso de abortos de repetição verificar as condições do casal – predisposição ao abortamento.

5. Qual tipo de diabetes é causa endócrina importante de aborto e qual a conduta adequada diante de uma gestante com tal patologia?

Diabetes mellitus tipo 1 – caso a gestante esteja com a doença descompensada, fazer a compensação inicial e, em seguida, realizar uma preconcepção adequada, com acompanhamento endócrino-metabólico e ginecológico da gestante.

6. Qual é o conceito de abortamento habitual?

Aborto recorrente com 3 ou mais abortamentos espontâneos.

7. Segundo a ACOG, o que deve ser pesquisado diante de uma mulher com abortamento habitual?

Pesquisa de alterações cromossômicas do casal e pesquisa da presença de Síndrome de Anticorpos Antifosfolípedes (SAF).

8. Quais são as possíveis apresentações clínicas do abortamento?

Ameaça de abortamento; abortamento em curso (completo ou incompleto); abortamento retido / gestação anembrionada; abortamento habitual e abortamento infectado.

9. Qual é a primeira manifestação da ameaça de abortamento e quais são as causas mais prováveis desse sinal?

Sangramento, que ocorre normalmente por anomalia tecidual uterina e/ou descolamento da inserção do córion.

10. A partir de quantas semanas é possível a avaliação ultrassonográfica do saco gestacional e do batimento cardíaco fetal, e quais as condutas devem….


…. acesse o Portal Medicina Atual e tenha acesso ao conteúdo completo. Clique abaixo e faça o seu cadastro.

ginecologia e obstetrícia: abortamento

Você poder ver também os conteúdos de Gastro: Distúrbios Primários do Esôfago e de Edocrino: Diabetes mellitus – complicações agudas e crônicas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Next Post

Saiba tudo sobre Anemias Hipoproliferativas

Está procurando um conteúdo completo sobre Anemias Hipoproliferativas, em um formato simples? Confira este material que separamos para você.
anemias

Você também pode gostar: